Descodificando as emoções: como geri-las de forma bonita!

As emoções são o tempero da vida!
Sem temperos o sabor da comida fica desenxabido, temperos a mais impossibilitam o paladar. Assim é com as emoções.
Elas constituem uma importante alavanca enquanto fator evolutivo e de criação de valor na vida.
Recordemo-nos do famoso Harvard Happiness Study (veja o TED), em que no estudo provavelmente mais longo da história sobre saúde e felicidade humanas, a conclusão é categórica: o mais mais impacta a nossa felicidade e saúde é a qualidade dos nossos relacionamentos.

As emoções são a expressão mais importante dos relacionamento, daí a sua importância.

❗ Denomina-se Inteligência Emocional à capacidade de identificar em si e nos outros esses estados de ânimo a que chamamos emoções, e a poder modular em si e nos outros, uma mudança delas.

✅ Sucintamente, as emoções têm algumas características muito próprias:
– São exponenciais. Se não forem geridas na hora H multiplicam-se rapidamente.
– São contagiosas. Alguém com alto astral influencia os demais, e vice-versa.
O que coloca como uma questão de civilidade estar de bem consigo e com a vida.
– Em demasia obliteram a razão e o pensamento, promovendo ações desprovidas de sentido. Na minha cabeça sempre ecoa aquela máxima do Professor DeRose “a emocionalidade estupidifica”.
– Podem ser densas ou leves.
Normalmente, com excepções importantes, as densas tendem a tornar-destrutivas, e as leves construtivas.
Se são boas ou más dependem da data e do ponto de vista em que as observamos.
– Não devem ser reprimidas nem controladas. Ao contrário do que o senso comum pensa (diferente de bom-senso). Emoção, em moção, em movimento.
As emoções devem estar fluidas. O truque é a canalização.

???? Como funciona a canalização das emoções e qual a melhor estratégia para uma boa gestão emocional?

▶ A melhor estratégia é estimular as emoções leves. A melhor forma é através de random acts of kindness.
O Professor DeRose criou o arquétipo das 3×3 ações de civilidade por dia. 3 ações correspondem a uma dia bronze, 6 prata, 9 ouro, mais de 9 diamante.
Estas ações de civilidade não são exercidas para sermos bonzinhos e sim por consciência de agregar valor às pessoas que nos rodeiam, e em última análise por nós próprios.

▶ Quando surge uma emoção indesejada, densa e não recomendável, canalizamos essa emoção. Para isso, primeiro devo parar a sua exponencialidade, para tal basta fazer uma respiração completa e estável, uma apenas mas tem de ser bem feita e logo no momento em que ela surge. Se esperar será tarde demais.

De seguida o truque é alterar, sentir o oposto.
Como a natureza das emoções é fluida, podemos escolher a emoção que queremos sentir.
A melhor forma é trocar pelos opostos.
Em vez de ansiedade, presença.
Em vez de inveja, admiração.
Em vez de medo, coragem.
Em vez de vitimização, responsabilidade.
Em vez de frustração, confiança.
Em vez de ódio, trabalho árduo.
Em vez de desmotivação, entusiasmo.
Em vez de frustração, confiança.

Mais para a semana.

Comentários
Please enable JavaScript in your browser to complete this form.
Gostaria de receber contacto para aulas: